Para não se entregar ao sedentarismo, diminuir os riscos de obesidade, diabetes e cardiopatias, basta acumular 30 minutos de atividade aeróbica por dia, entre cinco a sete dias por semana

Mais importante que a intensidade dos exercícios é a assiduidade deles. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 70% da população é sedentária, correndo sérios riscos de desenvolver doenças graves. E os especialistas garantem: dá para exercitar-se em pouco tempo. “Meia hora diária de exercícios acelera o metabolismo, melhora a condição física, a tonificação muscular e oxigena o cérebro”, explica Keli Alencar, professora de educação física. Estudos comprovam que as atividades moderadas, tais como a corrida e caminhadas, mesmo que não excedam os 15 minutos diários, favorecem a saúde, melhorando até o sono.

Reduza os riscos

Para quem tem realmente pouco tempo, mas quer cuidar da saúde, dá para optar por aqueles circuitos de meia hora, já que, comprovam os especialistas, os efeitos e benefícios no organismo são reais.

Mas existem gestos no dia a dia que podem acabar com o sedentarismo, tais como trocar o elevador pelas escadas. “O sedentarismo é o vilão da arterosclerose e aumenta em oito vezes o risco cardiovascular. De 30 em 30 minutos é possível ganhar longevidade e qualidade de vida”, garante o cardiologista Anderson Rodrigues.

O que pode fazer em 30 minutos

– Ativar os músculos, nem que sejam apenas de relaxamento.

– Caminhar com os seus filhos ou enquanto passeia com o seu cão.

– Fazer flexões e abdominais, enquanto, por exemplo, assiste á TV.

– Acumular atividades físicas no dia, em sessões de 10 a 15 minutos.

Fonte: Cozinha Prática Emagreça com Saúde 2 – Vol. 2 – Pág. 16

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Ingresse seu nome

14 + 19 =